Um instante de fim é também um instante de começo.

12/02/13

Anúncios

Tudo isto

I see the world
Feel the chill
Which way to go
WindowsillBe free.
I see the words
On a rocking horse of time
I see the birds in the rain

Oh dear dad
Can you see me now
I am myself
Like you somehow
I’ll ride the wave
Where it takes me
I’ll hold the pain
Release me

Oh dear dad
Can you see me now
I am myself
Like you somehow
I’ll wait up in the dark
For you to speak to me
I’ll open up
Release me
Release me
Release me
Release me

 

Pearl Jam – «Release»

O Projecto.

Ainda que nem sempre me tenha dado ao luxo de parar para pensar – mais que apenas que profundamente – ainda que, sem aparente noção de o ter feito, queira mascarar de sorrisos e palavras de sinceridade discutível o que até hoje fui e conquistei – sem prejuízo de, a espaços, ter atingido pequenas metas – ainda que tudo isto sejam para mim factos, a grande verdade é que projecto nos instantes que ainda não conheci, a esperança e a convicção de que os caminhos que me faltam percorrer são, nada mais, nada menos, que aqueles que irão completar e revelar quem sou. Não escuso de interrogar-me quem sou. Nada ganharia com isso. Não obstante de me conhecer como quase ninguém, delego nos meus momentos vindouros a oportunidade de me redescobrir. Nunca saberei quem sou, apesar de pensar sabê-lo. Tudo são projecções. Eis a linha que define uma existência, um rumo, um futuro. Apercebo-me que baseio os meus passos, sejam eles da ordem que forem, numa sucessão de expectativas de diferente grau. Em boa verdade, todos o fazem. Cada instante em que paramos para pensar no próximo passo a dar é apenas mais um momento em que projectamos o que de bom queremos para nós. Quando nada esperamos, tudo acontece. Quanto esperamos que tudo aconteça, colhemos nada. É o paradigma do efeito surpresa. Não estranho que hoje já não exista muita coisa que possa surpreender-me. Simplesmente já não espero muito de nada nem de ninguém. E o pouco que espero provém da minha própria capacidade, pois, essa sim, encontra-se sob o meu exclusivo controlo. E enquanto sou senhor e dono de mim mesmo…

05/02/13